12 de agosto de 2009

Tipo de narrador:

O narrador de” Dom Quixote” é denominado como narrador observador. No entanto, parece que o narrador não apenas conta a história, mas participa do enredo, dando sua opinião e fazendo o leitor crer que as peripécias de Dom Quixote sejam verdadeiras. Esta interpretação é até citada no decorrer da história. O narrador dá a impressão de atuar como um jornalista, acompanhando os passos do “herói” e divulgando suas anotações em tempo real.

O autor retrata no livro, o comportamento da sociedade diante de um fato diferente, que considera Dom Quixote uma pessoa louca, fora dos padrões considerados normais. Ele também é influenciado por esta sociedade, por meio dos livros, que o hipnotizam e o transformam num personagem “vivo”.

Interessante é o fato de Miguel de Cervantes utilizar esse artefato da hipnose literária a fim de convencer o leitor da veracidade de Dom Quixote de La Mancha, o Cavaleiro da Triste Figura.

4 comentários: